Topografia

Uma definição básica para topografia é: a ciência aplicada, cujo objetivo é representar no papel, uma limitada porção da superfície terrestre, com seus detalhes naturais e artificiais e com expressão exata de seu relevo não levando em consideração a curvatura terrestre.

Podemos fazer estas representações através de uma planta, uma carta ou um mapa sendo o que diferencia cada uma delas é a escala utilizada, que ditará as proporções da representação.

Através da ESCALA, que é a relação constante entre as distâncias verdadeiras e as distâncias apresentadas no desenho, podemos representar as posições relativas dos pontos no desenho. Então quando usamos para representação num desenho a escala de 1:100 (lê-se um para cem), significa que cada cem unidades reais serão representadas, no papel, por uma unidade, portanto 100m valerá, no papel, somente 1m.

Comumente na topografia usamos as escalas de 1:100 ou 1:200 plantas de pequeno lotes; 1:1000 para plantas de arruamentos e loteamentos urbanos e 1:1000, 1:2000 e 1:5000, dependendo de suas dimensões, para plantas de propriedades rurais. Para representações de grandes regiões serão utilizadas escalas inferiores a estas citadas.

Na topografia temos a necessidade de medir distâncias horizontais, como também determinar a elevação de um ponto em relação a outros, gerando então uma distância vertical. Usamos geralmente, quatro tipos de medidas:

 

o    Distâncias horizontais e Distâncias verticais;

o    Ângulos horizontais e Ângulos verticais.

Contato

TOPOGRAFIA ULTREMARE
Campinas - SP

(19) 3384-4267

©Todos os direitos reservados.